Igrejas do interior da Suíça oferecem “comunhão to go”

Compartilhe esse post:

As orações e pedidos para que as igrejas fossem abertas o mais rápido possível, foi respondido. Na quarta-feira, o Conselho Federal anunciou que os serviços poderiam ser realizados a partir do 28 de maio. As missas no próximo final de semana estão confirmadas. A quarentena pastoral já dura dez semanas.

No entanto, algumas igrejas ficaram criativas mantendo seus locais de culto abertos. As hóstias são distribuídas de uma forma descartável. A “comunhão para levar” são exibidas em latas deixadas sobre a mesa na entrada.

“Não existe serviço de buffet”, diz Melchior Betschart, administrador paroquial do cantão de Nidwalden. “A comunhão é dada por um membro da equipe pastoral”. A lata deve então ser devolvida desinfetada.


As paróquias suíças querem atender às necessidades dos fiéis, mesmo nos tempos de pandemia, com a comunhão em casa. Cerca de 20 pessoas aproveitam a oferta semanal, acrescentou o pastor. Mesmo as pessoas do grupo de risco não precisam ficar sem – ela é levada diretamente para sua casa.

A comunhão “enlatada” existe desde o início de maio. Antes disso, a comunhão era distribuída em pequenas caixas de papel, dobradas à mão por membros do escritório da paróquia. Mas a diocese decidiu que a Eucaristia não devia ser levada aos fieis de uma forma “encaixotada” em algum lugar, por exemplo, na caixa de correio, durante as visitas domiciliares. Caixas de papel não seriam dignas do ato da comunhão. As hóstias teriam que ser transportados em contêineres fechados. Latas.

Compartilhe esse post:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares